Atividade Avaliativa – Vídeo Sistemas Operacionais

Considerando o Número entre ( ) associe o Sistema Operacional com as suas características:

  1. (    )IOS
  2. (    )OSx
  3. (    )Android
  4. (    )Unix *
  5. (    )Solaris
  6. (    )MS-DOS
  7. (    )Kurumin
  8. (    )Linux
  9. (    )Windows Vista
  10. (    )Windows XP
  11. (    )Windows 7
  12. (    )Windows 8
  13. (    )Windows 3.0
  14. (    )Windows 95
  15. (    )Debian
  16. (    )Ubuntu
  17. (    )Windows 10
  18. (    )Windows 8.1
  19. (    )Windows Phone

(   ) Um dos primeiros Sistemas Operacionais quem deu origem ao Linux e outros Sistemas Operacionais

(    ) Uma das melhores Distribuições Linux em modo gráfico,  muito versátil que ameaçou e ameaça APPLE e Microsoft

(    ) Primeiro Sistema Operacional da Microsoft que integrou a tecnologia Plug e Play , banco de dados de drivers e multimídia , além de criar o modelo de área de trabalho que utilizamo  até hoje.

(    ) Sistema Operacional operacional de código aberto (open source)  que originou várias distribuições de código aberto e gratuitas

(    ) Distribuição Linux criada por um Brasileiro que fez muito sucesso , seu nome é uma homenagem aos índios brasileiros

(    ) Sistema Operacional APPLE para celulares que já foi eleito o melhor SO Mobile desde sua primeira versão.

(    ) Sistema Operacional APPLE para Desktop´s  que chegou ao seu ápice tendo hoje em dia apenas atualizações

(    )Considerado um dos melhores sistemas operacionais da Microsoft na história refinando a interface gráfica , eliminando o bug´s da versão anterior o que resultou em uma ótima estabilidade e leveza.

(     )Sistema Operacional mais popular para para celulares e recentemente também para desktops  da Google que domina mais de 70% do mercado de Sistemas Operacionais  Mobile no Brasil .

(     )Sistema operacional criado pela SAM para operação de grandes servidores é utiliado até hoje

(     )Sistema Operacional em Disco da microsoft que foi introduzido aos computadores da IBM iniciando assim a fortuna de Bil Gates

(    ) Sistema Operacional pós XP que foi considerado um grande erro da Microsoft pois a interface gráfica prejudicou a performance para outros ítens gerando bugs fatais em todo o sistema

(    ) Um novo conceito de SO com inicialiação e desligamento mais rápidos , onde o botão iniciar foi substituído por uma interface metro (blocos) para utilização em Touch Screen que ainda é criticada por alguns usuários.

(    ) Após o DOS o primeiro Sistema Operacional Gráfico da Microsoft , o que revolucionou a forma como utilizar o computador.

(    ) Uma atualização do Windows Vista (que foi um fracasso) com mais estabilidade mas considerado ainda pesado se comparado ao XP.

(    )Distribuição Linux de grande sucesso pela sua interface semelhante ao Windows e estabilidade hoje também está disponível uma versão mobile para a distribuição.

(    )Praticamente uma atualização do Windows 8 facilitando a posição da opção Desligar que foi muito criticada no Windows 8 , com  alguns novos recursos não significativos e correções de segurança.

(    )Atual Sistema da Microsoft , com novidades como um botão iniciar mesclado ainda com a interface Metro , mudanças de Layout e segurança com uma aposta na Cortana que reconhecerá comandos de voz emitidos pelos usuários.

(    )Sistema Operacional Mobile da Microsoft que oferece muitos recursos e é semelhante a versão para desktop , porém devido ao preço de licença que encarece o valor do aparelho não é tão utilizado em nosso país…

 

Anúncios

Revisão Access – Teorica (1pt) para avaliação – Somente respostas por E-mail

1) O que é o Access

2) Cite um exemplo de onde um banco de dados pode ser útil em uma empresa.

3) Explique o que é :

Tabela – Consulta – Formulário – Relatório – Macro

4)Cite três tipos de dados utilizados no Sistema Escolar

5)O que é Chave Primária

6)Explique as propriedades :

Valor Padrão

Regra de Validação

Requerido

Máscara de Entrada

7)Quais os tipos de relação mais comuns

8)O que é subfolha de dados

9)Qual o tipo de consulta que realiza uma pergunta para o usuário

10) O critério >10/08/2009 em um campo data de cadastro exibira quais registros

11) O critério =data() para o campo data de pgto exibirá quais registros

12)Qual a diferença das ferramentas rotulo e caixa e texto em formulários e relatórios

13)Qual o nome da macro que é executada automaticamente ao abrir o Sistema

14)Nas expressões com cálculos os nomes dos campos devem vir entre [ ] ( ) ou { }

15)Na sua opinião pessoal qual dos objetos do banco de dados você teve mais dificuldade.

As 10 teorias conspiratórias mais famosas e intrigantes do mundo

teorias da conspiração famosas


Teorias da conspiração são conhecidas por intrigar a população, e elas existem há seculos.

Os teóricos da conspiração são pessoas que normalmente não são levadas a sério. Alguns são até chamados de malucos. Mas se prestarmos atenção e estudarmos os fatos, algumas teorias até que fazem sentido.

Apesar de já constar no título, vale enfatizar mais uma vez que todos os assuntos relatados aqui nessa matéria são apenas teorias, e não necessariamente representam a idéia dos editores do site.

Conheça as teorias de conspiração mais intrigantes (e malucas) do mundo. Depois de ver essa matéria, você terá muito o que pesquisar na internet…

10 – O Experimento da Filadélfia

Durante a Segunda Guerra Mundial, surgiram rumores sobre a Marinha dos EUA na realização de experiências que fariam suas naves invisíveis ao olho humano. Eles negaram isso, mas em outubro de 1943, o USS Eldridge foi equipado com instrumentos de luz de flexão que poderiam ter sido usados ​​para testar um projeto como este.

9 – O Flúor

É um fato conhecido que o flúor é adicionado à água a fim de prevenir a cárie dentária, mas há aqueles que acreditam que há mais efeitos prejudiciais que são ignorados, a fim de ajudar a indústria farmacêutica.

8 – Caixões de plástico da FEMA

A descoberta de mais de meio milhão de caixões de plástico preto próxima de Atlanta, levou alguns a acreditar que o governo está se preparando para a lei marcial e à morte de milhares de pessoas.

7 – O assassinato de Kennedy

O assassinato do ex-presidente John F. Kennedy é famoso por dar origem à várias teorias conspiratórias. Muitas pessoas acreditam que seria no mínimo muito difícil um único homem conseguir fazer isso sozinho.

6 – A ida do homem à Lua

Quando o homem pisou na Lua pela primeira vez, em 1969, muitos se recusaram a acreditar e insistiram que tudo foi falsificado, assim os EUA venceriam a Gurra Fria.

5 – Pearl Harbor

Há aqueles que acreditam que o ex-presidente Franklin D. Roosevelt estava ciente da ameaça na base militar do Havaí e não fez nada sobre isso,  como uma maneira de convencer o público americano a apoiar os EUA a se juntarem na Segunda Guerra Mundial.

4 – HIV

Alguns teóricos de plantão acreditam que a Organização Mundial da Saúde criou o vírus em laboratório como um meio para controlar a população mundial.

3 – 11 de setembro e a queda das Torres Gêmeas

Como com Pearl Harbor, alguns acreditam que os funcionários do governo foram avisados ​​do ataque iminente e não fizeram nada para impedi-lo. Já outras teorias dizem que tudo teria sido planejado pelo próprio governo, a fim de criar uma “desculpa” para entrar na guerra do petróleo.

2 – A morte da Princesa Diana

Muitos acreditam que “Princesa do Povo” foi assassinado em um esquema elaborado pela família real britânica. Os teóricos conspiratórios dizem que o ex-marido dela ficou envrgonhado com seu novo relacionamento com Dodi Fayed e, para evitar mais mais escândalos, teriam de acabar com sua imagem na mídia.

1 – Nova Ordem Mundial

Segundo a teoria, esta seria uma sociedade secreta supostamente de pessoas influentes de todo o mundo, que alguns acreditam que têm o propósito de reduzir drasticamente a população mundial, a fim de ter um grande controle unificado sobre o mundo

fonte:http://www.curtoecurioso.com/2014/07/as-10-teorias-conspiratorias-mais.html

// g?b=a+f+b:(g+=f.length,f=a.indexOf("&",g),b=0<=f?a.substring(0,g)+b+a.substring(f):a.substring(0,g)+b)}return 2E3<b.length?void 0!==d?q(a,c,d,void 0,e):a:b};var ca=function(){var a=/[&\?]exk=([^& ]+)/.exec(u.location.href);return a&&2==a.length?a[1]:null};var da=function(a,c,b,d){a.addEventListener?a.addEventListener(c,b,d||!1):a.attachEvent&&a.attachEvent("on"+c,b)};var ea=function(a){var c=a.toString();a.name&&-1==c.indexOf(a.name)&&(c+=": "+a.name);a.message&&-1==c.indexOf(a.message)&&(c+=": "+a.message);if(a.stack){a=a.stack;var b=c;try{-1==a.indexOf(b)&&(a=b+"\n"+a);for(var d;a!=d;)d=a,a=a.replace(/((https?:\/..*\/)[^\/:]*:\d+(?:.|\n)*)\2/,"$1");c=a.replace(/\n */g,"\n")}catch(e){c=b}}return c},v=function(a,c,b){a.google_image_requests||(a.google_image_requests=[]);var d=a.document.createElement("img");if(b){var e=function(a){b(a);a=e;d.removeEventListener?d.removeEventListener("load",a,!1):d.detachEvent&&d.detachEvent("onload",a);a=e;d.removeEventListener?d.removeEventListener("error",a,!1):d.detachEvent&&d.detachEvent("onerror",a)};da(d,"load",e);da(d,"error",e)}d.src=c;a.google_image_requests.push(d)};var w=document,u=window;var fa=String.prototype.trim?function(a){return a.trim()}:function(a){return a.replace(/^[\s\xa0]+|[\s\xa0]+$/g,"")},ga=function(a,c){return ac?1:0};var x=null,ha=function(a,c){for(var b in a)Object.prototype.hasOwnProperty.call(a,b)&&c.call(null,a[b],b,a)};function y(a){return"function"==typeof encodeURIComponent?encodeURIComponent(a):escape(a)}var ia=function(){if(!w.body)return!1;if(!x){var a=w.createElement("iframe");a.style.display="none";a.id="anonIframe";x=a;w.body.appendChild(a)}return!0},ja={};var ka=!0,la={},oa=function(a,c,b,d){var e=ma,f,g=ka;try{f=c()}catch(k){try{var t=ea(k);c="";k.fileName&&(c=k.fileName);var z=-1;k.lineNumber&&(z=k.lineNumber);g=e(a,t,c,z,b)}catch(r){try{var m=ea(r);a="";r.fileName&&(a=r.fileName);b=-1;r.lineNumber&&(b=r.lineNumber);ma("pAR",m,a,b,void 0,void 0)}catch(Da){na({context:"mRE",msg:Da.toString()+"\n"+(Da.stack||"")},void 0)}}if(!g)throw k;}finally{if(d)try{d()}catch(Eb){}}return f},ma=function(a,c,b,d,e,f){var g={};if(e)try{e(g)}catch(k){}g.context=a;g.msg=c.substring(0,512);b&&(g.file=b);0<d&&(g.line=d.toString());g.url=w.URL.substring(0,512);g.ref=w.referrer.substring(0,512);pa(g);na(g,f);return ka},na=function(a,c){try{if(Math.random()b?Math.max(0,a.length+b):b;if(l(a))return l(c)&&1==c.length?a.indexOf(c,b):-1;for(;b<a.length;b++)if(b in a&&a[b]===c)return b;return-1},ta=B.map?function(a,c,b){return B.map.call(a,c,b)}:function(a,c,b){for(var d=a.length,e=Array(d),f=l(a)?a.split(""):a,g=0;g<d;g++)g in f&&(e[g]=c.call(b,f[g],g,a));return e};var ua=function(a,c){for(var b in a)c.call(void 0,a[b],b,a)},va=function(a){var c=arguments.length;if(1==c&&"array"==aa(arguments[0]))return va.apply(null,arguments[0]);for(var b={},d=0;dparseFloat(a))?String(c):a}(),Fa={},Ga=function(a){if(!Fa[a]){for(var c=0,b=fa(String(Ea)).split("."),d=fa(String(a)).split("."),e=Math.max(b.length,d.length),f=0;0==c&&f<e;f++){var g=b[f]||"",k=d[f]||"",t=RegExp("(\\d*)(\\D*)","g"),z=RegExp("(\\d*)(\\D*)","g");do{var r=t.exec(g)||["","",""],m=z.exec(k)||["","",""];if(0==r[0].length&&0==m[0].length)break;c=ga(0==r[1].length?0:parseInt(r[1],10),0==m[1].length?0:parseInt(m[1],10))||ga(0==r[2].length,0==m[2].length)||ga(r[2],m[2])}while(0==c)}Fa[a]=0<=c}},Ha=h.document,Ia=Ca(),Ja=!Ha||!E||!Ia&&D()?void 0:Ia||("CSS1Compat"==Ha.compatMode?parseInt(Ea,10):5);var Ka={g:947190538,h:947190541,i:947190542,e:79463068,f:79463069},La={d:"ud=1",j:"ts=1",c:"sc=1"};if(w&&w.URL)var Ma=w.URL,ka=!(Ma&&(0<Ma.indexOf("?google_debug")||0b&&u.setTimeout(ra(c,d),100)};d()};var Oa=function(){try{u.localStorage.setItem("__sak","1");var a=u.localStorage.__sak;u.localStorage.removeItem("__sak");return"1"==a}catch(c){return!1}},Pa=function(a,c,b){a.google_image_requests||(a.google_image_requests=[]);var d=a.document.createElement("img");F(d,"load",b,"osd::ls_img::load");d.src=c;a.google_image_requests.push(d)};var G=function(a,c){this.b=a||0;this.a=c||""},H=function(a,c){a.b&&(c[4]=a.b);a.a&&(c[12]=a.a)};G.prototype.match=function(a){return(this.b||this.a)&&(a.b||a.a)?this.a||a.a?this.a==a.a:this.b||a.b?this.b==a.b:!1:!1};G.prototype.toString=function(){var a=""+this.b;this.a&&(a+="-"+this.a);return a};var Qa=function(){var a=I,c=[];a.b&&c.push("adk="+a.b);a.a&&c.push("exk="+a.a);return c},J=function(a){var c=[];ua(a,function(a,d){var e=y(d),f=a;l(f)&&(f=y(f));c.push(e+"="+f)});return c.join("\n")},K=0,Ra=0,Sa=function(a){var c=0,b=u;if(b&&b.Goog_AdSense_getAdAdapterInstance)return b;try{for(;b&&5>c;){if(b.google_osd_static_frame)return b;if(b.aswift_0&&(!a||b.aswift_0.google_osd_static_frame))return b.aswift_0;c++;b=b!=b.parent?b.parent:null}}catch(d){}return null},Ta=function(a,c,b,d,e){if(10<Ra)u.clearInterval(K);else if(++Ra,u.postMessage&&(c.b||c.a)){var f=Sa(!0);if(f){var g={};H(c,g);g[0]="goog_request_monitoring";g[6]=a;g[16]=b;d&&d.length&&(g[17]=d.join(","));e&&(g[19]=e);try{var k=J(g);f.postMessage(k,"*")}catch(t){}}}},Ua=function(a){var c=Sa(!1),b=!c;!c&&u&&(c=u.parent);if(c&&c.postMessage)try{c.postMessage(a,"*"),b&&u.postMessage(a,"*")}catch(d){}};va("area base br col command embed hr img input keygen link meta param source track wbr".split(" "));var L=function(a,c){this.width=a;this.height=c};var Va;if(!(Va=!za&&!E)){var Wa;if(Wa=E)Wa=E&&(D()||9<=Ja);Va=Wa}Va||za&&Ga("1.9.1");E&&Ga("9");var Ya=function(){var a=u.parent&&u.parent!=u,c=a&&0<="//tpc.googlesyndication.com".indexOf(u.location.host);if(a&&u.name&&0==u.name.indexOf("google_ads_iframe")||c){var b;a=u||u;try{var d;if(a.document&&!a.document.body)d=new L(-1,-1);else{var e=(a||window).document,f="CSS1Compat"==e.compatMode?e.documentElement:e.body;d=new L(f.clientWidth,f.clientHeight)}b=d}catch(g){b=new L(-12245933,-12245933)}return Xa(b)}b=u.document.getElementsByTagName("SCRIPT");return 0<b.length&&(b=b[b.length-1],b.parentElement&&b.parentElement.id&&0<b.parentElement.id.indexOf("_ad_container"))?Xa(void 0,b.parentElement):null},Xa=function(a,c){var b=Za("IMG",a,c);return b||(b=Za("IFRAME",a,c))?b:(b=Za("OBJECT",a,c))?b:null},Za=function(a,c,b){var d=document;b=b||d;d=a&&"*"!=a?a.toUpperCase():"";b=b.querySelectorAll&&b.querySelector&&d?b.querySelectorAll(d+""):b.getElementsByTagName(d||"*");for(d=0;d<b.length;d++){var e=b[d];if("OBJECT"==a)a:{var f=e.getAttribute("height");if(null!=f&&0<f&&0==e.clientHeight)for(var f=e.children,g=0;g<f.length;g++){var k=f[g];if("OBJECT"==k.nodeName||"EMBED"==k.nodeName){e=k;break a}}}f=e.clientHeight;g=e.clientWidth;if(k=c)k=new L(g,f),k=Math.abs(c.width-k.width)<.1*c.width&&Math.abs(c.height-k.height)<.1*c.height;if(k||!c&&10<f&&10<g)return e}return null};var $a,M=0,N="",O=!1,P=!1,Q=!1,ab=!0,bb=!1,cb=!1,db=[],I=null,R="",eb=[],fb=null,gb=[],hb=!1,S="",ib="",jb=(new Date).getTime(),kb=!1,lb=!1,mb="",nb=!1,ob=["1","0","3"],T=0,pb=!1,U=!1,V="",qb=null,W=0,X=0,rb=0,sb="",tb=function(a,c,b){O&&(ab||3!=(b||3)||cb)&&Y(a,c,!0);(Q||P&&bb)&&Y(a,c)},ub=function(a,c){if(pb){var b=V;try{a.localStorage[b]=c+"&timestamp="+n()+"&send"}catch(d){}}},vb=function(){var a=fb;return a?2!=a():!0},Y=function(a,c,b){if((c=c||R)&&!hb&&(2==X||b)&&vb()){var d=wb(c,b);!b&&U?(U=!1,qb&&(a.clearInterval(qb),qb=null),ub(a,d),5!=T&&Pa(a,d,function(){a.localStorage.removeItem(V)})):b||!pb||7!=T&&6!=T?v(a,d,void 0):(c=function(b){b&&"error"==b.type&&ub(a,d)},void 0===a.navigator.onLine||a.navigator.onLine?v(a,d,c):ub(a,d));b?O=!1:hb=!0}},wb=function(a,c){var b;b=c?"osdim":Q?"osd2":"osdtos";var d=["//pagead2.googlesyndication.com/activeview","?id=",b];"osd2"==b&&P&&bb&&d.push("&ts=1");N&&d.push("&avi=",N);$a&&d.push("&cid=",$a);0!=T&&d.push("&lsid=",T);U&&d.push("&cwls=1");d.push("&ti=1");d.push("&",a);d.push("&uc="+rb);kb&&(lb?d.push("&tgt="+mb):d.push("&tgt=nf"),d.push("&cl="+(nb?1:0)));b=d.join("");for(d=0;d<eb.length;d++){try{var e=eb[d]()}catch(f){}var g="max_length";2<=e.length&&(3==e.length&&(g=e[2]),b=q(b,y(e[0]),y(e[1]),g))}2E3<b.length&&(b=b.substring(0,2E3));return b},Z=function(a,c){if(S){try{var b=q(S,"vi",a);ia()&&v(x.contentWindow,b,void 0)}catch(d){}0<=sa(ob,a)&&(S="");var b=c||R,e;e=q("//pagead2.googlesyndication.com/pagead/gen_204?id=sldb","avi",N);e=q(e,"vi",a);b&&(e+="&"+b);try{v(u,e,void 0)}catch(f){}}},xb=function(){Z("-1")},zb=function(a){if(a&&a.data&&l(a.data)){var c;var b=a.data;if(l(b)){c={};for(var b=b.split("\n"),d=0;d=e)){var f=Number(b[d].substr(0,e)),e=b[d].substr(e+1);switch(f){case 5:case 8:case 11:case 15:case 16:case 18:e="true"==e;break;case 4:case 7:case 6:case 14:e=Number(e);break;case 3:case 19:if("function"==aa(decodeURIComponent))try{e=decodeURIComponent(e)}catch(g){throw Error("Error: URI malformed: "+e);}break;case 17:e=ta(decodeURIComponent(e).split(","),Number)}c[f]=e}}c=c[0]?c:null}else c=null;if(c&&(b=new G(c[4],c[12]),I&&I.match(b))){for(b=0;bW&&2==X){var a=u,c="//pagead2.googlesyndication.com/pagead/gen_204?id=osd2&",b=[];b.push("ovr_value="+M);b.push("avi="+N);I&&(b=b.concat(Qa()));b.push("tt="+((new Date).getTime()-jb));a.document&&a.document.referrer&&b.push("ref="+y(a.document.referrer));b.push("hs="+W);c+=b.join("&");try{v(a,c,void 0)}catch(d){}}},yb=function(a){var c=a.match(/^(.*&timestamp=)\d+$/);return c?c[1]+n():a+"&timestamp="+n()},Bb=function(){var a={};H(I,a);a[0]="goog_dom_content_loaded";var c=J(a);Na(function(){Ua(c)},"osd_listener::ldcl_int")},Cb=function(){var a={};H(I,a);a[0]="goog_creative_loaded";var c=J(a);Na(function(){Ua(c)},"osd_listener::lcel_int");nb=!0},Db=function(a){if(l(a)){a=a.split("&");for(var c=a.length-1;0<=c;c–){var b=a[c],d=La;b==d.d?(ab=!1,a.splice(c,1)):b==d.c&&(kb=!0,a.splice(c,1))}sb=a.join("&")}};p("osdlfm",A("osd_listener::init",function(a,c,b,d,e,f,g,k,t,z,r){M=a;S=c;ib=d;O=f;T=z||0;$a=r;k&&Db(k);P=g&&f;1!=t&&2!=t&&3!=t||db.push(Ka["MRC_TEST_"+t]);I=new G(e,ca());F(u,"load",xb,"osd_listener::load");F(u,"message",zb,"osd_listener::message");N=b||"";F(u,"unload",Ab,"osd_listener::unload");var m=u.document;!m.readyState||"complete"!=m.readyState&&"loaded"!=m.readyState?("msie"in ja?ja.msie:ja.msie=-1!=navigator.userAgent.toLowerCase().indexOf("msie"))&&!window.opera?F(m,"readystatechange",function(){"complete"!=m.readyState&&"loaded"!=m.readyState||Bb()},"osd_listener::rsc"):F(m,"DOMContentLoaded",Bb,"osd_listener::dcl"):Bb();-1==M?X=f?3:1:-2==M?X=3:0u.localStorage.length)&&(V="LSPNGS-"+I.toString()+"-"+(""+Math.random()).split(".")[1]+n());2!=X||!pb||3!=T&&4!=T&&5!=T||(U=!0,qb=u.setInterval(ra("osd_listener::ls_int",function(){var a=u,b=V,c=a.localStorage[b];if(c)try{a.localStorage[b]=yb(c)}catch(d){}}),1E3));I&&(I.b||I.a)&&(W=1,K=u.setInterval(ra("osd_proto::reqm_int",ba(Ta,X,I,P,db,sb)),500));kb&&(a=Ya())&&(lb=!0,mb=a.tagName,a.complete||a.naturalWidth?Cb():F(a,"load",Cb,"osd_listener::creative_load"))}));p("osdlac",A("osd_listener::lac_ex",function(a){eb.push(a)}));p("osdlamrc",A("osd_listener::lamrc_ex",function(a){gb.push(a)}));p("osdsir",A("osd_listener::sir_ex",tb));p("osdacrc",A("osd_listener::acrc_ex",function(a){fb=a}));})();osdlfm(-1,”,’BdcjIPVA-VZn8MtG-fO6dgaALAI2sg9-OAQAAEAE4AcgBCeACAOAEAaAGIcITAxCAAQ’,”,1991377842,true,true,’ud\x3d1\x26′,0,0,”);
// ]]>

Comunique-se com Lync

Há um tempo atrás o mundo inteiro chorava a “morte” do MSN , mensageiro da Microsoft que por anos foi o líder absoluto na categoria de programas de comunicação instantânea , porém o que a maioria das pessoas não sabia era que o real plano da microsoft era enterrar o já “manjado”  , antigo e  pouco utilizado MSN comprando o SKYPE (uso pessoal) e criando o Lync (uso corporativo)  que nada mais é que uma versão do Comunicator  aprimorada e para uso empresarial contendo recursos de Chat , Compartilhamento de Arquivos , Acesso Remoto , Votação On Line , Vídeo Conferências ,ou seja um software indispensável para agilizar a comunicação , dos funcionários , reuniões a distâncias , manutenção de equipamentos a distância e etc. Tudo isto já existia no ambiente corporativo com o Comunicator que já era uma espécie de MSN para empresas o Lync foi uma atualização dele ,resumindo o Lync veio para isso para facilitar a comunicação e fazer com que as coisas se “desenrolem mais rápido” como diz a gíria popular.

A partir de 2016 o Lync será substituído pelo Skype for Business que será uma espécie de Lync (com os mesmos recursos) porém com a interface do Skype e alguns recursos extras.

Um forte abraço

Professor Rogério Barbosa

download

Microsoft diz que Windows de código aberto é uma possibilidade concreta

por

06/04/2015 18h13
4
Windows

Getty Images

Há muitos sinais de que a cultura na Microsoft tem mudado nos últimos anos, especialmente depois que Satya Nadella assumiu o posto de CEO. E novas afirmações de um engenheiro veterano mostram que as estruturas da gigante do software foram mesmo abaladas: Mark Russinovich disse durante uma conferência no Vale do Silício que a companhia discute a possibilidade de tornar o Windows open source.

Quem acompanha a história da empresa nas últimas décadas sabe que esse seria um passo enorme – e que provavelmente levaria tempo para se concretizar. A Microsoft se tornou a gigante de hoje vendendo software proprietário, de código fechado, principalmente seu sistema operacional e o pacote Office. Segundo Russinovich, isso pode mudar.

“É definitivamente possível”, disse Russinovich durante a conferênciaChefCon, em Santa Clara, na Califórnia, que reúne desenvolvedores e especialistas em TI.

Recentemente, a Microsoft já tomou iniciativas em direção a uma cultura de código aberto. No mês passado, a empresa abriu a engine de compilação de software MSBuild. Em novembro do ano passado, foi a vez do popular framework .NET, em um movimento que pode ser considerado ousado, visto o histórico da companhia.

Claro que o projeto de um Windows open source exigiria muito mais planejamento. “Se você abre o código de um produto mas ele vem com um sistema que exige cientistas e três meses para configurar, qual a vantagem?” diz o engenheiro. “Todo tipo de conversa que você possa imaginar sobre o que podemos fazer com nosso software – aberto versus fechado versus serviço – já aconteceu.”

O desempenho financeiro da divisão Windows tem sofrido com a queda constante das vendas globais de PCs, como revelaram os resultadosdivulgados pela companhia. Essa pressão pode acelerar as discussões por novas estratégias de mercado, como o investimento em infraestrutura de nuvem. Inclusive, o Azure, solução da companhia na área, já suporta máquinas rodando Linux. “Esta é a realidade em que vivemos”, diz Russinovich.

Apesar de a discussão chamar a atenção quando se trata de Microsoft, o código aberto é quase uma norma em outras gigantes do Vale do Silício. Basta pensar no Google e no sistema operacional Android, ou no Facebook e sua coleção de tecnologias, de servidores a inteligência artificial, que já estão disponíveis com licenças open source.

Apesar de a Microsoft ainda experimentar seus primeiros passos na cultura aberta, sempre há tempo de começar.

Fonte: Wired e Microsoft

fonte:http://info.abril.com.br/noticias/tecnologia-pessoal/2015/04/microsoft-diz-que-windows-open-source-e-uma-possibilidade-concreta.shtml